Saúde mental e trabalho: como conciliar?

por | fev 22, 2023

Não é fácil manter uma carreira profissional em dia e ainda dar conta de todos os outros aspectos da vida, como exercícios físicos, convívio familiar e cuidados com a casa. Por isso, trabalhar em um ambiente em que a empresa se preocupa com o bem-estar dos funcionários pode ser um diferencial. Mas como conciliar saúde mental e trabalho?

Num mercado de trabalho cada vez mais competitivo, começamos a nos cobrar para produzirmos mais, entregarmos mais resultados e nos destacarmos mais. Ao priorizarmos o trabalho em nossas vidas, acabamos deixando outros aspectos de lado, como a família, o convívio social com amigos e até mesmo a nossa saúde.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), 86% dos brasileiros sofrem com algum transtorno mental, como ansiedade, depressão ou estresse. E esses tipos de problemas podem surgir, justamente, de um ambiente de trabalho nocivo.

Ainda segundo a OMS, os transtornos mentais comuns atingem 30% dos trabalhadores ocupados, sendo que os casos leves causam, em média, quatro dias de perda de trabalho por ano. Os casos mais graves podem levar a perda de 200 dias de trabalho por ano.

Não só esses dados são preocupantes para você, trabalhadora, que além de estar com sua saúde mental debilitada e se sentir culpada por isso, como para a empresa na qual você trabalha.

Mais do que nunca é imprescindível que as empresas comecem a olhar para a saúde mental dos colaboradores no ambiente de trabalho.

Saúde mental e trabalho: qual a importância?

O nosso trabalho é uma parte fundamental das nossas vidas. Passamos, no mínimo, oito horas diárias – cinco dias por semana desempenhando nossas atividades profissionais e convivendo com os colegas de empresa.

Por isso, não podemos negligenciar situações que acontecem por lá ou, ainda, que podem ter acontecido em nossa vida pessoal e acabamos levando para o nosso dia a dia profissional.

As frustrações no trabalho podem acontecer por diversos motivos, como um desentendimento com algum colega, ameaça da perda do emprego, insatisfação com o desempenho apresentado, pressão de produtividade, entre outros.

A primeira coisa que temos que pensar é que essas situações são normais e que nem sempre estaremos totalmente satisfeitas em todas as áreas da vida. Porém, quando isso influencia na sua produtividade ou se você está “levando trabalho para casa” (nem que seja as frustrações), isso deve ser um ponto de atenção.

Além disso, o trabalho em si é um ótimo aliado para uma boa saúde mental, já que sermos produtivas e nos sentirmos úteis e capazes pode nos motivar. Porém, quando o ambiente profissional é negativo ou possui assédio/intimidação, isso pode causar um grande impacto na sua qualidade de vida.

Saúde mental e trabalho estão intimamente relacionados e não devem ser negligenciados por gestores. Porém, você também pode verificar se algumas características de uma saúde mental debilitada podem estar atingindo você.

Faça algumas perguntas para você mesma, como: estou mais quieta? Tenho sido mais intolerante e/ou agressiva com os meus colegas? Acredito que minha opinião não é valorizada? Faço de tudo para evitar contato social?

Se você responder “sim” para qualquer uma dessas perguntas, entre em contato com o setor de recursos humanos da sua empresa, com o seu gestor ou procure por um psicólogo.

Saúde mental e trabalho: o impacto no dia a dia

Negligenciar sua saúde mental no trabalho pode causar grandes impactos na sua vida e na da empresa. Os mais comuns são:

É claro que nem sempre o ambiente de trabalho será um “mar de rosas”. Desentendimentos podem acontecer, assim como desânimos e tristezas. Apesar de ser comum, esses tipos de sentimentos não podem passar de uma “fase”, ou seja, devem ser temporários.

Se o seu desânimo for muito persistente ou se você tem tido problemas de levantar da cama, é importante que você cuide da sua saúde mental urgentemente. Eu sei que o trabalho é muito importante para você e para o sustento da sua casa, porém sem cuidar de você, você não consegue cuidar dos outros.

Lembra do aviso de emergência no avião? Coloque a máscara primeiro em você! Por isso, cuide-se.

Saúde mental e trabalho estão intrinsecamente ligados e trabalhar num ambiente saudável e que todos cooperem é fundamental para manter o equilíbrio em sua vida.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.